31 julho 2017

Ah, o Algarve em Agosto...

(Pipoco está ansioso para publicar os retratos que ilustrarão o período das suas curtas, porém bem merecidas férias, que encabeçará, conforme a tradição, com o título "Ah, o Algarve em Agosto...", vincando bem a sua preferência por lugares inóspitos e inexplorados, apenas acessíveis aos mais capazes dos machos-alfa, ao mesmo tempo que desdenha da má sorte dos desafortunados a quem não resta outra possibilidade que não seja a de rumar a sul em pleno mês de Agosto)

8 comentários:

  1. Lady Kina31.7.17

    Sabe que eu todos os anos, antes de ir de férias a sério, passo sempre pelo Algarve, em Agosto, não porque goste propriamente daquele carnaval todo, é só mesmo para poder sentir o calor humano dos pobrezinhos, aquela alegria ensolarada e benfazeja tão típica dos portugueses, amo de paixão!

    ResponderEliminar
  2. Anónimo31.7.17

    E o que chama o tio aos ainda mais desafortunados que nem férias podem tirar, quanto mais em Agosto?

    ResponderEliminar
  3. Eu acho tudo isto muito agradável. Hoje fui ao supermercado - no Algarve, em Agosto - e gostei muito.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. (raios, agora é que percebi que ainda estamos em Julho. Por isso é que a ida ao supermercado foi tão agradável...)

      Eliminar
  4. Migração sazonal. Acontece muito no continente africano.

    ResponderEliminar
  5. Cláudia Filipa1.8.17

    Pipoco, antes de parar com esta minha tagarelice por uns dias, encho-me de coragem e conto-lhe, que esse é um sonho meu por concretizar, há anos, desde a mais tenra idade. A minha mãe, tal como o Pipoco, ficava com os cabelos em pé só de pensar nessa ideia, (não digo o que dizia relativamente à romaria ao Algarve em Agosto, só lhe digo que penso que o Pipoco iria gostar de ler), então, lá ia eu, para lugares inóspitos, pela mão daquela fêmea-alfa. Acontece, que todos os meus colegas de escola, acho que mesmo todos, iam, pelo menos durante quinze dias, para o Algarve em Agosto, e eu, quando regressava às aulas, lá ficava a suspirar enquanto os ouvia falar da delícia que eram esses dias e a sentir-me uma ave rara, completamente excluída. Entretanto, a vida, essa safardana irónica, por situações várias, continua a manter-me longe dessa situação. Pois, Pipoco, em verdade lhe digo, se chegar a velhota com alguma saúde e alguns euros, hei-de passar todo um mês de Agosto no Algarve, e não sei se farei a coisa por menos, talvez arrisque mesmo uma Quarteira.
    Então, umas excelentes férias lá por esses lugares só para homens de barba rija, Pipoco.

    ResponderEliminar
  6. Nunca fui ao Algarve em Agosto, não faço idéia do que lá se passa durante esse mês. De igual modo que também nunca fui à Costa da Caparica em Agosto.
    Já me disseram que as bolas de Berlim em Agosto são iguais às de Julho, exceptuando isso nada mais sei sobre o Algarve em Agosto.

    ResponderEliminar
  7. será peregrinação?

    promessa de tostar a pele ao sol e ir a banhos em água demasiado quente?

    praias tão repletas de povo que se torna impossível a privacidade do sexo ao ar livre fora da mira de uma qualquer aleatória objectiva.

    é certo que actualmente quase toda a gente quer colocar selfies de nudez nas redes sociais.
    mas a partir de certa idade preferimos a memória, ocasionalmente matizada pela imaginação, à evidência forense do acto, especialmente se o fotógrafo revelar tanto talento com o telemóvel como o nosso Pipoco com seus retratos.

    é um mundo perdido, e ninguém quer acreditar,
    poças...

    ResponderEliminar